quarta-feira, 2 de abril de 2008

A Central das Frases

oneill2

...já te disse que são os do primeiro...
...e afinal não pudémos telefonar...
...ai nem queira saber o engenheiro...
...se me dão licença eu vou contar...

...penses nisso era só o que faltava...
...não as outras duas é que são as tais...
...mas o senhor presidente autorizava...
...na avenida centenas de pardais...

...de facto muito inteligente...
...ó filha por aqui fazes favor...
...que veio ontem para falar com a gente...
...é mesmo lá ao fim do corredor...

Alexandre O'Neill

Fotografia: Aqui

10 comentários:

peciscas disse...

O Alexandre O´Neill tinha uma criatividade e uma irreverência espantosas.
Veja-se como, com um conjunto de frases dispersas, daquelas que se "apanham no ar" construiu um poema que até pode ser um retrato de uma certa camada de população.

Mocho-Real disse...

O GRANDE O'NEILL, a provar que não é a Universidade que forma a inteligência e a criatividade dos Homens, ele que até poucos estudos tinha e detestava a escola.

O surrelismo em Portugal muito lhe deve, o humor cáustico também, e as suas incursões na Poesia Concreta de que o Ernesto M de mello e Castro, o pai da geninha, é o maior expoente, também foi tocada e bem por este grande artista que foi o Alexandre O'Neill - noctívago, mulherengo e berrão, à boa maneira dos artistas dos anos 50/60.

As minhas desculpas por esta passagem em corrida, mas hoje travo uma tremenda luta contra o tempo. se houver, gralhas, as min has desculpas igualmente.

Um abraço, Ana MArta.

Mocho-Real disse...

"beberrão", queria dizer.

Abraço.

Carminda Pinho disse...

Ana Marta,
já cá cheguei heheheh!
Sobre Oneill, já tudo foi dito não é?
Gosto muito da sua poesia, da sua irreverênca, este poema é prova disso.

Beijos

Isabel-F. disse...

Não conhecia ...

adorei.

obrigada pela partilha


beijinhos e bom fim de semana

Carla disse...

O'neill é único nas palavras e na forma de as dizer
bom fim de semana

Mocho-Real disse...

Hoje, deixo apenas um abraço. Já disse mais, até, do que devia!
:-)

Jorge P.G.

Meg disse...

Anamarta, é só um recadito para o Jorge...não disseste nada de mais Jorge, disseste por ti e por mim... está tudo dito porque a Anamarta sabe que eu também gosto de Eugénio O'Neil

Bom fim de semana minha amiga, deixo-te um abraço

Paradoxo disse...

Poderoso!!

Beijinhos

Sophiamar disse...

E eu, anamarta, adoro O`Neill! A poesia � parte da seiva que alimenta esta amiga. Nem toda mas n�s temos poetas de Excel�ncia.

Beijinhosssss